Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

"Ei-los que partem" de novo

Luís Nogueira, 04.03.09

 

"O número de portugueses a ir trabalhar para o estrangeiro aumentou mais de 22 mil entre 2006 e 2008, com uma grande maioria a escolher Suíça e Angola para emigrar. [...] De acordo com a Direcção-Geral dos Assuntos Consulares e Comunidades Portuguesas (DGACCP), em 2007-2008 emigraram mais 22.726 portugueses do que em 2006-2007. Existem assim oficialmente 4.990.923 emigrantes portugueses espalhados pelo mundo."

 

Será hoje Portugal um país com mais oportunidades do que era nos anos 90? Será que estamos assim tão distantes da realidade matricial dos anos 60? Onde para o investimento feito pelo Estado em milhares de licenciados que emigraram? Que apoio tem sido dado pelo Governo português a este terço de cidadãos portugueses no estrangeiro? E a Segurança Social, pode dar-se ao luxo de perder mais estes contribuintes?

 

A tantas perguntas que versão sobre a actual realidade, só me apraz dizer: "obrigado" José Sócrates.

18 comentários

Comentar post

Pág. 1/2