Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

Estupidificando a política...

João Lemos Esteves, 16.07.09

 

 

 

A política é a actividade mais nobre que cada um de nós pode exercer. Porque envolve disponibilidade e intervenção na vida pública. Porque é o reflexo da nossa missão no mundo:servir os outros permanentemente - e não servir-nos dos outros.

 

No entanto, conhecemos os probelams, defeitos ou vícios de que sofre a vida política actual. Nós, jovens, temos de assumir o papel de transformadores, de consciência crítica activa e desconcertante. Sem medo. Com (muita) convicção.

 

Alguém me informa que, num distrito mais ou menos longíquo, realizou-se, num destes dias, um Conselho Distrital. Este deve ser o local apropriado para discussão de ideias, apresentação de propostas, projectos. Moções que exprimam o pensamento estratégico da Jota para um determinado distrito, sempre a pensar na juventude e no seu futuro. Todavia, não é isto que sucede. Pelo contrário, perde-se tempo e energia a discutir lugares, secções que trabalham mais/secções que trabalham menos. Até acordos ou pactos estabelecidos e não cumpridos que são quebrados no momento, quantas pessoas é que alguém consegue levar para um determinado evento ou acção de campanha. Mas,será que é isto que queremos para a JSD? O mais grave é que não é um problema desta ou daquela pessoa - começa a ser estrutural (ou direi geracional ou mesmo civilizacional?). Será que não aprendemos? Numa altura em que a JS é mais fantasma do que o fantasma de Michael Jackson (esse ao menos parece no Larry King),em que esta pura e simplesmente não existe, andar a perder tempo com questiúnculas pessoais, fulanizar o debate é uma loucura! É deitar para o lixo uma oportunidade de afirmação e consolidação sustentada da JSD no nosso concelho, no nosso distrito - e por conseguinte no país! 

 

A nós, jovens, compete-nos dignificar a política. Ao invés, estamos a acentuar os traços mais negativos da vida política, que leva a que os cidadãos se afastem da intervenção política via partidos políticos! Enquanto discutirmos lugares, fizermos birra porque alguém leva 100 militantes e outro leva 99, alguém fizer pirraça porque conseguiu um lugarzinho de deputado e perderem-se noites nisto, não estamos a dignificar - estamos a estupidificar a política! Ainda por cima com os quadros notáveis, talentosos e inteligentes que só a JSD tem...Há que mudar atitudes e posturas.    

 

Vou dormir...Pode ser que tenha sido apenas um triste pesadelo, fruto da minha imaginação e cansaço...

 

 

12 comentários

Comentar post