Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

Esquerda caviar

Catarina Rocha Ferreira, 12.02.13

Com duras e incisivas críticas, Beatriz Talegón, secretária-geral da União Internacional de Jovens Socialistas, incendiou o encontro da Internacional Socialista, em Cascais:



“Me sorprende mucho cómo pretendemos remover la revolución desde un hotel de cinco estrellas en Cascais, llegando en coches de lujo. Me pregunto de verdad si nosotros podemos darle a los ciudadanos una respuesta cuando vosotros, líderes políticos, les decís que los entendéis, que sufrís porque somos socialistas. ¿De verdad sentimos ese dolor aquí dentro?, ¿de verdad podemos entender lo que estamos pidiendo al mundo desde un hotel de cinco estrellas?”  

Tal e qual a história do Rei vai nu...

 

Estes pedregulhos foram atirados com muita precisão e da parte de dentro da casa socialista. Bem sei que todos os partidos têm os seus telhados de vidro, no entanto, ao escutar o som destes sensíveis vidros a estalar, vieram-me de imediato à memória os exemplos ainda frescos de socialismo caviar, ou se preferirem, para ser mais elegante - de socialismo burguês - que o nosso país tão bem conheceu. Já que António José Seguro teve a oportunidade de assistir a estas palavras na primeira fila, aproveito para lhe endereçar a seguinte questão - uma esquerda coerente ainda vai ser para os nossos dias?!

Rui defende limitação de mandatos nas autárquicas e crítica a gestão irresponsável dos dinheiros públicos...

Hugo Carneiro, 08.01.13


Na cerimónia que celebrou 11 anos de mandato, agora que entra na recta final até às autárquicas, Rui Rio falou da incoerência dos que "choram lágrimas de crocodilo" por causa do desemprego e ao mesmo tempo levaram a cabo o endividamento das suas autarquias, deixando de pagar a tempo e horas a fornecedores, quiçá promovendo o não pagamento de salários e dificuldades destes para com os seus trabalhadores.


Ao mesmo tempo, referiu-se à lei de limitação de mandatos (abrir link), com a qual concorda. Recorde-se que o PSD decidiu apoiar autarcas "jurássicos", ao contrário do PS e do CDS-PP.


Rui Rio deixará de ser Presidente da Câmara do Porto, depois de três mandatos à frente da edilidade.